Atalhos

Prestação de crédito após amortização antecipada


Amortizar parte do capital em dívida num crédito é uma forma de poupar muito dinheiro em juros, especialmente se a taxa de juro subjacente ao mesmo for elevada. Com esta ferramenta pode calcular qual será a nova prestação após amortização, sabendo de imediato qual será o impacto no orçamento e quanto poupará na diminuição dos juros.

Prestação de crédito após amortização antecipada

Capital em dívida:
Taxa de juro:
Prestações mensais em falta:
meses ou anos e meses
Valor a amortizar:
Partilhe:

168 comentários a Prestação de crédito após amortização antecipada

  1. Pedro José Ferreira Abril 23, 2015 at 15:31 #

    Boa tarde,

    Tenho um crédito habitação desde 2008 no Millennium, pedi 67500€ a 40 anos e tenho taxa fixa a 10 anos (termina em Agosto de 2018)

    TAN – 5.40
    Valor Indexante – 4.80
    Spread – 0.60
    Faltam 403 meses

    Mensalidade de: 347.04€

    O que pergunto é o seguinte:

    Há forma de passar a não ter taxa fixa?
    Será que me compensa mudar de banco?

    Agradecia que dessem a vossa opinião por favor, é que este valor está a estrangular por completo o meu orçamento mensal.

    Cumprimentos

    Pedro Ferreira

    • orlando lopes Dezembro 2, 2016 at 13:25 #

      Posso te dar um concelho com spreads desses ja nao existe,
      Ja falta pouco para os 10 anos deixa te estar pois quando acabares
      a tua prestaçao se as condiçoes de mercado nas taxas continuarem assim
      vais pagar menos 200 euros na prestaçao .

      Spreads 0.6- Euribor a 3 meses -0.313 MES Dezembro ficas com uma taxa de 0,287 como eu no bcp.

      Cumprimentos

  2. pedro Maio 8, 2015 at 15:24 #

    Boa tarde,

    Tenho um credito pessoal de 21.228€ em 96 meses com mensalidade de fixa de 363,00, TEAG de 13,52%

    Durante os primeiros 12 meses deduzia aproxidamente 120,00 de capital e o restante era juros. Neste 2ª ano, deduzo aproximadamente 140,00 de capital e restante é juros. E assim sucessivamente durante os restantes 82 meses, aumentando anualmente o capital a deduzir e diminuindo o valor dos juros.

    O capital em dívida é actualmente de 19.362€

    A minha questão é:
    Se amortizar neste momento 4.000€, com que mensalidade ficarei, e desaa mensalidade, quanto amortizo de capital e pagarei de juros?

    Desde já muito obrigado

  3. jose Maio 13, 2015 at 9:39 #

    Bons dias.
    Existe uma folha de cálculo neste blog, bastante boa por sinal, que permite responder à sua pergunta com bastante fiabilidade. Não sendo um especialista em matéria de finanças, sou da opinião de que, quanto menor for a dívida, maior será a qualidade das nossas finanças pessoais. Logo, amortizações antecipadas são sempre uma excelente ideia, especialmente quando existe uma TEAG de 13,52%. Amortize o que amortize, será sempre um grande investimento até que termine o empréstimo.

  4. pedro Maio 18, 2015 at 17:19 #

    Boa tarde Caro José, e obrigado pelo seu parecer. Penso que vou optar por essa solução.

    Com os melhores cumprimentos,

  5. Diogo Paiva Julho 19, 2015 at 11:42 #

    Boa tarde,
    Tenho um credito auto, taxa variável, de 10.000€ a 36 meses. Já decorreram 8 meses desde o inicio do contrato e tenho o restante capital para amortizar totalmente o crédito.
    A minha pergunta é, poderá o banco pedir-me os juros devidos até ao final do contrato? Não faz muito sentido pois o dinheiro já não está a ser devido.

    Haverá mais alguma penalização pela amortização antecipada?

    Esta informação é importante pois, mesmo no site do banco de portugal não é completamente clara no que respeita aos juros devidos.

    Obrigado.

    • Nuno Mauricio Setembro 8, 2016 at 1:19 #

      Boa noite Diogo
      Aconselho a ler e telefonar após leitura do contrato no caso de ter ficado com duvidas. Os meus últimos dois carros,
      fiz sempre amortizações parciais e totais sem nenhum acréscimo nem custos mas tive em atenção o facto de no contrato estar escrito que assim o seria.

  6. rui Agosto 25, 2015 at 16:22 #

    Boa tarde,
    FiCapital em dívida:

    Taxa de juro:

    Prestações mensais em falta:
    meses ou anos e meses
    Valor a amortizar:

    Nova prestação (Capital + Juros): € 176,00 (-46,674%)
    Juros: € 40,36
    Capital: € 135,63
    Prestação antiga (Capital + Juros): € 330,04
    Juros: € 75,69
    Capital: € 254,35

    A partir destes dados que valor é que eu poupo, ao fazer esta amortização? e se fizer o valor completo do credito?

    Cumprimentos,

  7. Helder Setembro 12, 2016 at 17:27 #

    Boa tarde,
    Procuro neste momento compra de viatura nova. E já vários vendedores me propuseram não dar entrada no empréstimo e depois amortizar esse dinheiro que seria para a entrada no empréstimo, sendo assim mais vantajoso para mim.
    Será que me podem esclarece se efectivamente é assim? Ou será sempre mais vantajoso dar a entrada e pedir menos dinheiro?
    Obrigado

  8. José Dinarte Fevereiro 15, 2017 at 19:25 #

    Boas,

    Possuo um crédito automóvel com o montante total de 10.139,95€ o qual inclui 9.500,00€ respeitante ao montante de credito solicitado pelo consumidor e o montante de 639,95€ relativos a encargos financeiros.
    Tem a duração de 48 meses e a TAN é de 7.500000% e a taxa é fixa.
    Sendo o valor detalhado de cada mensalidade o seguinte:
    Capital: 196.56€
    Juros: 48.11€
    Comissões de processamento: 3,00€
    Imposto Selo : 1.92€

    Total 249.59€

    Já efectuei o pagamento de 13 mensalidades e o capital em dívida é de 7500.71€.

    A minha questão é:
    Se amortizar neste momento 5.000€, com que mensalidade ficarei, e dessa mensalidade, quanto amortizo de capital e pagarei de juros?
    E já agora pagando o valor total em dívida, ou seja os 7500.71 terei de pagar algo extra ou consigo poupar algo?

    Desde já muito obrigado, é que ando um bocado confuso com tanto que já li.

    Com os melhores cumprimentos

Deixar uma resposta

FinancasPessoais.pt

Subscreva a newsletter e tenha acesso a todas as novidades do grupo de sites FinancasPessoais.pt e a conteúdos exclusivos.

Os sites FinancasPessoais.pt respeitam a sua privacidade e vontade:

Não mostrar mais esta caixa