Atalhos

Comparação de créditos habitação

Outro dia vi um artigo extremamente interessante no Jornal de Negócios, que faz uma comparação real entre créditos habitação. Não me parece que tenha sido um artigo amplamente divulgado, mas recomendo a sua leitura.

A equipa que fez a reportagem teve três claros objectivos: (1) encontrar a melhor oferta do mercado, (2) provar que as taxas/spreads anunciadas pelos bancos não são para todos e (3) que nem sempre a um spread mais baixo corresponde uma TAEG mais baixa.

Simularam um pedido de empréstimo com as seguintes condições:

  • Valor: €100 000
  • Prazo: 30 anos
  • Rendimento global: €1600/mês

Neste cenário, e sem quaisquer negociações adicionais, a melhor oferta foi a do Santander, com o BCP a ter a pior de todas. Apesar de ser frequente ouvirmos falar em spreads de 0,25%, o melhor spread obtido foi de 0,49%.

Uma última nota ainda para as diferenças significativas de TAEG mesmo quando os spreads são iguais. Na análise do Jornal de Negócios o BBVA e o BPI oferecem o mesmo spread (0,6%), mas as TAEG são muito díspares (6,025% e 5,395%, respectivamente).

Mas leia o artigo, vai ver que vale a pena.

Última actualização: 24/11/2014

Partilhe:

,

62 comentários a Comparação de créditos habitação

  1. Nuno Dezembro 23, 2008 at 9:13 #

    Tal como referi, a informação disponibilizada pelo banco foi que as prestações são actualizadas de acordo com a media verificada no periodo anterior, ou seja, tal com refere, numa prestação actualizada a 27 de Fevereiro, a media será calculada em Novembro.
    è um bocadinho estranho, até porque ainda não me dediquei a verificar as condições do contrato inicial, se existe alguma informação sobre este tema, mas que acho estranho, acho!!!!

  2. Luis Oliveira Dezembro 23, 2008 at 12:34 #

    como é?

    Eu paguei a 1ª prestação a 15 de Março, calculada sobre a média de Janeiro. E assim continuo. Em Junho sobre Abril, Em Setembro sobre Julho, em Dezembro sobre Outubro.
    A próxima revisão será em Março. Será calculada sobre a média de Janeiro.
    Mal posso esperar para começar a pagar pouco, já que esta revisão ainda aumentou a prestação já que foi precisamente só em Outubro que a Euribor começou a cair (com o máximo atingido).

    Mas pelo meu exemplo, quem actualiza a 27 de Fevereiro calcula sobre a média de Dezembro…

    No meu caso é Euribor a 3m da CGD

Deixe uma resposta

FinancasPessoais.pt

Subscreva a newsletter e tenha acesso a todas as novidades do grupo de sites FinancasPessoais.pt e a conteúdos exclusivos.

Os sites FinancasPessoais.pt respeitam a sua privacidade e vontade:

Não mostrar mais esta caixa