Atalhos

Comparar créditos habitação: características base



Depois do passo 0 na comparação de créditos habitação, hoje vou falar das características base.

As características base que refiro são mais uma escolha pessoal do que uma comparação entre ofertas, mas de qualquer forma é importante termos em conta alguns pormenores.

Montante

Como é evidente, quanto maior for o montante maior será a prestação e o total de juros associados. Normalmente não há muito a fazer em relação ao montante, mas se lhe for possível optar por uma percentagem mais elevada de capitais próprios vai poupar muito em juros. Adicionalmente, quanto menos dever menor será o impacto da subida de juros.

Prazo

A regra simples é que quanto maior for o prazo menor é a prestação. O problema é que quanto maior for o prazo mais iremos acabar por pagar em juros. Assim, o ideal é definir o menor prazo possível que sirva para ficarmos com uma prestação confortável.

Valor residual

Optar por valor residual é deixar para o final do prazo do crédito o pagamento de uma parte do total (normalmente entre 10 e 30%). Mais uma vez a vantagem é conseguirmos obter uma prestação mais baixa, à custa de acabarmos por pagar mais em juros e amortizarmos menos capital em cada prestação, o que também significa que ficamos mais expostos às variações das taxas de juro. Por fim, esta opção obriga a um esforço suplementar* no final do crédito, o que pode não ser fácil para quem tem dificuldades em poupar.

*Apesar do valor residual ajustado à inflação da altura representar muito menos dinheiro do que agora.

Carência de capital

A carência de capital é normalmente adoptada nos primeiros anos do crédito, como uma forma de baixar o valor da prestação. Esta possibilidade permite que apenas se pague juros, pelo que a prestação mensal é mais baixa. Acaba por ser uma espécie de “renda”, uma vez que durante o período de carência não se constitui património.

Resumo

Em suma, se quiser poupar ao máximo no crédito habitação, siga as seguintes indicações:

  • Montante: quanto menor melhor;
  • Prazo: quanto menor melhor;
  • Valor residual: preferível não ter;
  • Carência de capital: preferível não utilizar.

Última actualização: 24/11/2014

Partilhe:

, ,

8 comentários a Comparar créditos habitação: características base

  1. Filipe Agosto 3, 2009 at 17:56 #

    Bom post, só faltou mesmo falar de consolidação de creditos.
    Para, quem tal como eu tem mais de que um credito é sem duvida algo muito util. Já pesquisei bastante sobre isso e um site que me despertou curiosidade foi o creditoconsolidado.net

  2. Hugo Agosto 5, 2009 at 17:41 #

    Olá Pedro e parabéns pelo blog.
    Vou começar agora a comparar créditos de habitação, mas tenho algumas dúvidas.
    Sou cliente da CGD desde sempre e já tenho um crédito habitação, que serviu para comprar um terreno com uma casa antiga, inabitável. Agora que já tenho licença para construir, pedi uma simulação à CGD para um montante de 100.000,00, que seria à partida para juntar ao primeiro crédito de 35.000,00.
    A resposta foi que seria mais vantajosa a separação de créditos. Logo aqui fiquei desconfiado.
    Dados da simulação:
    100.000,00 a 40 anos;
    TAE Promocional (1) 2,899%;TAE (2) 2,901%;
    334,61 s/seguros; 381,59 c/seguros;
    euribor 3m;indexante 0,975%;spread 1,350;
    TAE Promocional (1) 2,899%;TAE (2) 2,901%;
    Taxa nominal 2,325%;
    TAE Após Período Promocional 2,864%;
    A finalidade do crédito é obras, devido ao crédito anterior (tem de ser assim?)
    Muito obrigado pela atenção.

  3. Hugo Agosto 5, 2009 at 17:44 #

    Esqueci-me de dizer que já fiz umas simulações online noutros bancos e que consigo valores substancialmente mais baixos (são simulações rápidas…)
    O que acha da situação apresentada?
    Obrigado mais uma vez.

  4. Koplms Janeiro 16, 2010 at 16:00 #

    Boas

    É a primeira vez que visito este blog e desde já os meus parabéns,conteúdo bastante útil e bem escrito.

    Convido-o a visitar o blog O Endividado
    http://www.Oendividado.blogspot.com

    Além de ser um blog com informações bastantes úteis também,destaco a ajuda/aconselhamento jurídico gratuito no blog,e mais recentemente a parceria criada com a Exchange Cascais.Para quem precisa de crédito( qualquer tipo de crédito) pode contactar me pelo blog ou email oendividado@hotmail.com….

    Até Já

  5. Miguel Oliveira Março 23, 2010 at 23:28 #

    Pedro, poderá informar-me ou dar dicas sobre qual(is) bancos terão melhores propostas de CH no global?

    Obrigado

  6. Pedro Cipriano Maio 28, 2011 at 0:50 #

    Eu vou construir é obrigatório periodo de carencia de capital e que por exemplo a CGD na simulaçao nao colocou isso assim sendo se houver ainda vou ter mais encargos acumulados com juros ? Ainda não percebi se na fase de construção so me dao em tranches os valores como vou estar a pagar juros do valor total pedido se no inicio so me dao uma parte ai deveria pagar juros apenas da tranche que emprestaram

Trackbacks/Pingbacks

  1. Daily Digest for 2009-07-10 | Pedro Trindade - Julho 11, 2009

    […] Comparar créditos habitação: características base | Pedro e o Blog […]

  2. 30+ Blogs, Sites e Artigos sobre Educação Financeira - Dezembro 20, 2011

    […] Comparar créditos habitação: características base […]

Deixe uma resposta

FinancasPessoais.pt

Subscreva a newsletter e tenha acesso a todas as novidades do grupo de sites FinancasPessoais.pt e a conteúdos exclusivos.

Os sites FinancasPessoais.pt respeitam a sua privacidade e vontade:

Não mostrar mais esta caixa