Atalhos

Quando investir?



Ontem!

É verdade, quanto mais cedo começar a investir mais terá na idade da reforma. Nunca é cedo demais para começar a agir.

Investir mais cedo tem várias vantagens, por exemplo:

  1. Começa a juntar dinheiro que lhe fará falta no futuro;
  2. Permite-lhe começar a ganhar juros (ou outras mais-valias) sobre o capital investido;
  3. Caso invista em títulos com risco fica mais protegido de períodos de quedas (no muito longo prazo os mercados accionistas têm tido retornos muito positivos);
  4. Obtém resultados tão bons ou melhores, com um esforço mensal menor.

Caso prático

Imagine que investe €50 todos os meses (durante 20 anos), qual será a diferença de começar 1, 5 ou 10 anos mais tarde?

Quanto perde por investir mais tarde

No gráfico acima estão apresentados 3 cenários, para taxas médias de rentabilidade de 3%, 5% ou 10%. Todos os cenários apresentam a perda* que obtém por começar a poupar 1, 5 ou 10 anos mais tarde.

Por exemplo, se começar 5 anos mais tarde (investe 15 anos, ao invés de 20 anos) e a sua taxa média de rentabilidade for 5%, no final dos 20 anos terá menos €7187,24. Ou seja, por investir mais €3000 (€50/mês durante 5 anos) ganhou mais €4187,24 (€7187,24 – €3000), fruto dos juros obtidos pelo investimento antecipado.

Para as restantes combinações de anos e taxas a ideia é a mesma. Quanto mais tarde investir mais perdas terá. Este fenómeno é mais acentuado quando a sua taxa média de rentabilidade for superior e quanto mais tarde investir.

Desafio

Se eu começar a investir 5 anos mais tarde (investir apenas durante 15 anos) e a minha taxa média de rentabilidade for 5%, quanto preciso de investir mensalmente para igualar um investimento mensal de €50 durante 20 anos?

*Perda no sentido de deixar de ganhar.

Última actualização: 02/02/2017

Partilhe:

, ,

10 comentários a Quando investir?

  1. Pedro Machado Outubro 22, 2007 at 0:57 #

    O Pedro Blog apareceu hoje no Jornal da SIC e esta hein? Embora não seja um grande comentador do BLOG não deixo de o Ler frequentemente, isto porque mesmo sendo um pouco leigo do mundo do dinheiro, economia, aplicações e de todas as outras matérias aqui publicadas não deixam de ser de cariz didáctico. E devo dizê-lo Pedro, EXCELENTE TRABALHO PEDRO

  2. paulo Outubro 22, 2007 at 10:40 #

    Realmente não me surpreende esta distinção do “Pedro e o Blog”. O trabalho efectuado pelo Pedro é fantástico.

    Parabéns.

  3. MH Outubro 22, 2007 at 11:14 #

    http://videos.sapo.pt/fs2IZm4M4MdGUHAVowfZ

    podem consultar o vídeo desse programa aqui.

    Os meus parabéns.

    Abraço!

  4. Pedro Pais Outubro 22, 2007 at 13:50 #

    Muito obrigado pelos vossos elogios. Foi uma boa surpresa o blog ter sido referido no programa da SIC, não estava nada à espera.

    Espero continuar a merecer o prazer das vossas visitas, é para todos que o blog existe.

  5. simbelmyne Dezembro 18, 2007 at 12:17 #

    Olá Pedro

    nao nos conhecemos, mas ouço regularmente falar de si, sempre bem, quem me indicou o site foi a “sogra” (sua). Acho que esta excelente! parabéns!

  6. Pedro Pais Dezembro 18, 2007 at 23:55 #

    Obrigado 🙂

    Espero continuar a contar com a sua presença e que o blog permaneça interessante.

  7. Bruno Março 12, 2008 at 14:49 #

    Antes de mais os meus parabéns pelo blog. Encontrei por mero acaso mas não pude deixar de reparar nos seus óptimos conteúdos. Agradecimentos.

    Em teoria a capitalização é uma coisa muito bonita. Na prática, e não estou a falar em disciplina, própria a probabilidade de conseguir beneficiar desse método de geração de riqueza é muito baixa. Por outro lado temos de aprender a capitalizar com outras coisas da vida, não só o dinheiro: digo, educação, conhecimento, experiência e felicidade, porque não?

  8. Pedro Pais Março 13, 2008 at 17:05 #

    Bruno,

    Os conselhos que dou no blog nunca são com o intuito de tornar ninguém rico. Aqui a ideia é fomentar a disciplina financeira e aproveitar, quando possível, para obter rendimentos adicionais.

    Parte significativa desta odisseia passa por fazer entender que o consumo não é a única fonte de entretenimento e satisfação. E aí os exemplos que deste são óptimos.

    Abraços!

  9. Henrique Gomes Março 24, 2008 at 14:36 #

    Queria dar os parabens por este magnifico blog.

    Após alguma pesquisa sobre investimentos na bolsa pergunto o que fazer. Gostava de lhe perguntar por onde começar e conhecer este mundo para que possa diminuir o risco.

    Muito obrigado.

  10. Pedro Pais Março 25, 2008 at 21:16 #

    Henrique,

    O primeiro passo é compreender a sua situação actual e futura (a 3-4 anos) e a partir dessa análise desse estabelecer objectivos para o seu investimento (e.g., uma pessoa que vai constituir família tem objectivos de investimento bem diferentes de um jovem de 18 anos).
    Depois disso é compreender alguns conceitos financeiros e os principais produtos existentes. O passo seguinte é concretizar, diversificando e optando pelos produtos que melhor se adequam ao seu perfil. Por fim, há que esperar que tudo resulte 🙂

Deixe uma resposta

FinancasPessoais.pt

Subscreva a newsletter e tenha acesso a todas as novidades do grupo de sites FinancasPessoais.pt e a conteúdos exclusivos.

Os sites FinancasPessoais.pt respeitam a sua privacidade e vontade:

Não mostrar mais esta caixa